.

You are here: Impulso para o futuro - P. Juan Pablo Cattogio - 15-09-2018

INTERPRETAÇÃO DESTA HORA / IMPULSO PARA O FUTURO

Padre Juan Pablo Catoggio
Presidente da Presidência Geral do Movimento Internacional de Schoenstat
15 de setembro de 2018

Querida Família de Schoenstatt, Família aqui presente e todos os que vocês representam, e os muitos que celebram este dia em diferentes lugares do mundo.

Reunimo-nos neste lugar histórico no 50º aniversário da partida do nosso Pai e Fundador. Damos graças a Deus por tudo o que ele significa para nós e para o nosso tempo. Damos graças porque experimentamos que ele permanece em nós, que ele não nos deixou sozinhos, que vive em nós e nos faz ser família nele.

Vimos para junto dele com o que somos e temos, também com nossas necessidades e fraquezas. Se fomos chamados a participar do seu carisma e a realizar a sua missão, só poderemos fazê-lo se Deus nos presentear essa graça, se ele vive em nós. Sozinhos nada podemos. Seu carisma, sua aliança, é nossa vida, nossa força, nossa missão.

Por isso renovamos, e alguns talvez por primeira vez selaram, a aliança contigo, querido Pai e Fundador. Muitos não te entenderam durante a tua vida – e ainda hoje – e tu mesmo disseste aos mais próximos que às vezes demoraram para entender-te. Também os apóstolos precisaram da vinda do Espírito Santo para compreender Jesus, mas o seguiram na fé. Querido Pai, cremos em ti, cremos no teu carisma e na tua missão, mesmo quando não sempre entendemos, mas cremos que estamos chamados a participar do teu carisma, da tua missão, do teu destino. Hoje renovamos nossa fé e nossa disponibilidade em seguir-te.

Nós te dizemos: Sim, Pai, vamos contigo! Pai, nosso coração em teu coração, nosso pensar em teu pensar, nossa mão na tua mão! Como filhas e filhos maduros e adultos colocamo-nos uma vez mais inteiramente à tua disposição. Nós precisamos de ti e tu precisas de nós. Viva em nós e atue através de nós!

Pedimos duas terceiras partes do seu espírito (cf. 2 Reis 2, 14), que Deus tome do espírito do Pai e o infunda em nós (cf. Num 11,17). É um tríplice espírito que nele se tornou paixão, uma tríplice paixão que ele expressou com o seu epitáfio.

Dilexit Mariam!

Ele amou a Maria!

Maria foi tua mãe e educadora, tua mestra de vida, desde criança viveste em aliança com Ela; Ela pôs à tua disposição sua onipotência suplicante e seu coração maternal; tua missão é anunciar as glórias de Maria ao nosso tempo, ajuda-la na realização de sua missão histórica para hoje. Maria é o grande sinal profético de um novo humanismo, a grande educadora do homem novo e dos povos. Decidimo-nos novamente por Maria, pela nossa Aliança, pela sua missão a partir do santuário. Sim, Pai, vamos contigo! Vive em nós e atua através de nós!

Dilexit Familiam!

Ele amou a Família!

Tu te dedicaste inteiramente à Família, nos tornaste Família. Faz que também nós nos empenhemos pela nossa Família, pela Família internacional e intercultural em todo o mundo, que nos consumamos pela Família multifacetada e federativa, pelo seu crescimento e sua difusão no mundo inteiro - há tantos lugares e países onde ela ainda não se enraizou. Que sejamos instrumentos de unidade, que entendamos as diferenças como riquezas e as tornemos fecundas, que cresçamos na solidariedade mútua e desse modo vivamos e ofereçamos cultura de aliança. Decidimo-nos em solidariedade ativa pela Família. Sim, Pai, vamos contigo! Vive em nós e atua através de nós!

Dilexit Ecclesiam!

Ele amou a Igreja!

Pai e Fundador, verdadeiramente amaste a Igreja até doer, por ela ariscaste tudo, estiveste disposto a carregar a cruz por ela. Sonhaste com uma igreja renovada e tudo entregaste por ela. Tudo por Schoenstatt, tudo pela igreja, tudo pela Santíssima Trindade. Hoje mais do que nunca teu dilexit ecclesiam nos compromete. Essa igreja que hoje sofre tantas tentações e tantas agressões de fora, e talvez mais ainda de dentro. Como igreja sofremos com nossos erros e nossos pecados, também sofremos com os ataques e as desonras. Contigo e como tu queremos amar e servir a igreja, queremos empenhar-nos decidida e eficazmente pelo papa e pela reforma que ele com tanta valentia e sacrifício promove. Estamos com ele.

O mundo de hoje precisa dessa igreja renovada, uma igreja humilde, dos pobres e para os pobres, desprendida do poder e animada pelo Espírito Santo. Uma igreja mariana, que seja família e casa aberta para todos; uma igreja que, com Maria e como Ela, seja mãe e leve aos homens do nosso tempo, aos muitos homens e mulheres feridos do nosso tempo, a misericórdia de Deus que nos salva e nos cura. Queremos oferecer à igreja um Schoenstatt missionário, um Schoenstatt em saída.

A aliança torna-se missão, torna-se cultura. Pai e Fundador, dá-nos do teu fogo! Dá-nos teu espírito de fundador! Dá-nos a tua tripla paixão por Maria, pela Família e pela Igreja! Vamos contigo! Vive em nós e atua através de nós!

Querida Mãe, como no início da Igreja, implora para nós o Espírito de Deus, um novo Pentecostes; estabelece um novo começo, o início de um novo tempo para Schoenstatt e para a Igreja nos nossos dias.

P. Juan Pablo Catoggio Schoenstatt, 15 de setembro de 2018

Descarregar "impulso para o futuro" em pdf