.

You are here: Notícias > Geral > Presente Jubilar para o Movimento de Schoenstatt

Presente Jubilar para o Movimento de Schoenstatt

originalshrine315

Foi com grande alegria que o Movimento de Schoenstatt mundial recebeu as surpreendentes notícias que a comunidade dos Padres Pallottinos decidiu hoje na sua Assembleia Provincial oferecer ao Movimento de Schoenstatt o Santuário Original e a Praça dos Peregrinos como um presente jubilar pelo centenário da sua fundação. Quando o Espírito de Deus do Pentecostes está a trabalhar, ele cria algo surpreendentemente novo e renova a vida.

Nos dias anteriores ao Pentecostes tiveram lugar novos debates entre Schoenstatt e os Padres Pallottinos com o objetivo de encontrarem uma solução para o (propriedade/utilização de) do Santuário Original e a situação no Vale de Schoenstatt. Regozijamo-nos agora com este gesto generoso de nos oferecerem a área de peregrinação em Schoenstatt. Agradecemos à comunidade Pallottina a sua boa vontade e consideramos este presente Jubilar como um sinal do seu desejo de, no futuro, continuarem a trabalhar em conjunto com o Movimento de Schoenstatt aqui em Schoenstatt .

20130522.santuario.original

A nossa gratidão é dirigida naturalmente a Deus Trino que trabalhou obviamente em todo este processo. E agradecemos à nossa Mãe e Rainha que, claramente, acompanhou as nossas orações e petições dos dias e semanas anteriores, e que contribuiu para a abertura de novas portas mostrando tão boas soluções para este assunto.

Em alegria e gratidão

P. Theo Breitinger, Superior Provincial

Santuário Origirnal
 

Iremos publicar o artigo dos Padres Pallottinos sobre este acontecimento:


Provincia dos Pallottinos do Sagrado Coração,

Quarta-feira, 22 de maio de 2013, 13h.

Press Release

 

Os Padres Pallottinos oferecem o Santuário de graças ao Movimento de Schoenstatt.

A comunidade dos Padres Pallottinos oferece a capela de peregrinação em Vallendar ao Movimento de Schoenstatt como um presente pelo Ano do Jubileu 2014. Foi decidido pela Assembleia Provincial, o organismo com mais poder de governação da comunidade, durante a sua reunião no dia 22 de maio de 2013 no Centro Provincial em Friedberg, Bavaria, Alemanha. Para além do Santuário, o presente inclui a adjacente Praça dos Peregrinos.
Depois de uma discussão detalhada a assembleia concordou que este presente seria oferecido pelo governo Provincial e pela Haus Wasserburg.
O P. Helmut Scharler, o Superior Pallottino Provincial disse, “Há uns anos o Movimento de Schoenstatt pediu um gesto generoso no que respeita à área de peregrinação em Schoenstatt. Com esta oferta queremos confiar o Santuário de Maria ao Movimento de Schoenstatt no aniversário do centenário de Schoenstatt em 2014, com a esperança de que muitas pessoas vivenciem a proximidade da Mãe e Rainha e que de futuro aproveitem o poder inspirador e benéfico deste lugar de peregrinação.” Também falou da tristeza existente, porque muitos Padres Pallottinos têm trabalhado proveitosamente, há muitas décadas, na construção do Movimento de Schoenstatt  e na pastoral do santuário de graças.
Em 1901, os Padres Pallottinos compraram a “Casa Antiga” a uma entidade privada com o fim de construir uma casa de formação como base da sua presença em Vallendar. A capela, na altura um depósito de utensílios de jardinagem, foi remodelada e utilizada de novo como um lugar sagrado. Em 1914, um grupo de estudantes próximos do Diretor Espiritual dos Pallottinos, o Padre José Kentenich, dedicaram-se aqui à Mãe de Deus. O Movimento de Schoenstatt considera esta data o início do seu trabalho apostólico.
Em 1964, o Movimento de Schoenstatt foi separado da Sociedade dos Pallottinos, que até então tinha contribuído significativamente para o desenvolvimento e formação de Schoenstatt, bem como para o lugar de peregrinação que surgiu. O santuário de graças permaneceu propriedade dos Padres Pallottinos, que continuaram a servir o lugar de peregrinação pastoralmente, e a coordenar a cooperação das muitas comunidades de Schoenstatt. Em 2012, teve lugar o primeiro passo para a entrega do santuário a Schoenstatt no que respeita à sua utilização e administração. “Queríamos descobrir se seriamos capazes de coexistir no local. Afinal, nós os Padres Pallottinos dirigimos uma casa para a Formação de Juventude na Haus Wasserburg, bem como um centro espiritual e terapêutico, e também o nosso próprio trabalho pastoral na Igreja Pallotti, servindo muitas pessoas para além desta região. Ambas as partes registaram experiências positivas, e isto motivou-nos a nós Padres Pallottinos a entregar agora de forma permanente o santuário,” explicou o P. Alexander Diensberg, Reitor da Haus Wasserburg.

santuariooriginal