.

You are here: Notícias > Aveiro > Dia 18 - Voltar às origens!

Dia 18 - Voltar às origens!

voltar as origens 1

A celebração do dia 18 de Março ficou marcada pelo lançamento da reconquista do nicho que, com a forte tempestade de Janeiro, quebrou em dois. Nesta Eucaristia da véspera da Festa de S.José, colocamos sobre o altar a nossa gratidão pelo Papa Francisco, os nossos pedidos pelo Santuário Original, pela beatificação do P. Kentenich e pela preparação rumo a 2014, nomeadamente as peregrinações da Família de Schoenstatt a Fátima e a Schoenstatt/Roma, entregamos de modo especial todos os pais e as intenções das famílias que recebem a imagem da Mãe Peregrina.

 voltar as origens 2

Este momento em família foi oportunidade de comunicar e incentivar para as várias ações que se propõem a todos os peregrinos e Ramos. No final da Eucaristia, o grupo dos namorados, com o casal dirigente, informou sobre as inscrições para a peregrinação anual da Família de Schoenstatt a Fátima, que mantém o mesmo perfil dos últimos anos: três dias a pé com impulsos espirituais, meditação pessoal, confissões, aconselhamento espiritual, partilha, oração e dinâmicas. Com a chegada a Fátima, juntam-se ao grupo que faz peregrinação só de um dia. Este começa de manhã com introdução à temática e dinâmicas. À tarde juntam-se todos e caminham a pé uma parte do percurso até Valinhos, terminando com a Eucaristia naquele que é o grande Encontro da Família Nacional de Schoenstatt. A peregrinação será no próximo mês.

voltar as origens 3 

Outra informação que todos esperam já há muito tempo foi sobre a grande peregrinação jubilar a Schoenstatt e Roma. Estão abertas as inscrições para o grupo português. Inscrições e preçário podem ser consultados no site nacional.

voltar as origens 4

Mas, sem dúvida, este dia 18 foi diferente pois levou-nos às origens do Centro Tabor. Lançou-se o desafio para a reconquista daquele que foi o primeiro sinal de Schoenstatt na diocese: o nicho. Algumas pessoas presentes nesta Eucaristia estiveram na bênção do nicho e até celebraram a sua Aliança de Amor à sua volta. Porém a geração de hoje deve assumir a responsabilidade pela reconquista, a missão da MTA a partir deste pedacinho de terra.

 voltar as origens 5

Foi elaborada uma oração comum, que foi rezada por todos e colocada junto ao nicho para que todos os que aqui vierem possam rezar. Cada Ramo tem uma conquista específica, ainda que a proposta comum seja as peregrinações ao local e rezar a oração, pois os primeiros também peregrinavam a pé, desde a paróquia, pedindo um Santuário. Hoje pedimos também "um Santuário", o Original.

 

Fonte: http://schoenstatt50aveiro.blogspot.pt/ 

Fotos: Paulo e Fami