.

You are here: Notícias > Aveiro > Olimpíadas nas VII Férias Diferentes

Olimpíadas nas VII Férias Diferentes

Vivemos a grande semana das Olimpíadas nas tradicionais “Férias Diferentes”, para meninas dos 6 aos 12 anos, à volta do Santuário de Schoenstatt, na Diocese de Aveiro. A abertura oficial destes Jogos Olímpicos começou na segunda-feira de manhã. Juntas, as Apóstolas de Maria e as Dirigentes, com a bandeira portuguesa, a bandeira da JFS e das Apóstolas, deram entrada no recinto em frente ao Santuário, onde estava colocada a pequena Taça de Engling com a chama olímpica. Esta foi acesa com a tocha que as meninas transportaram. Depois foi levada para a taça grande.

ferias-diferentes-1

O dia começava e terminava junto à chama olímpica. Durante a semana, nas muitas atividades e diversos jogos, todas as meninas se esforçaram, dando o seu melhor, de tal modo que no final cada uma ganhou a Medalha Olímpica de Ouro. Em cada manhã, o tema de impulso para o dia era sobre os valores dos jogos olímpicos: respeito, excelência, amizade e coragem, acrescentando gratidão à família. As dirigentes prepararam os temas com exemplos de alguns atletas que viveram a vitória ou a derrota, que tiveram atitudes de superação, de amizade e respeito, como também sobre os jogos paralímpicos, tudo aplicado à vida do dia-a-dia. Cada dia foi dedicado a um continente e às diversas culturas. Por isso, das atividades fazia parte a dança típica de algum país desse continente onde existisse o Santuário de Schoenstatt. Aprenderam também músicas internacionais de Schoenstatt em diversas línguas. Um dos momentos especiais destas Férias Diferentes é sem dúvida a cozinha. As mais pequenas gostam de aprender a fazer docinhos e bolachinhas. Com muita criatividade, todos os dias aplicaram-se nos trabalhos manuais, de modo a que ficassem muito bonitos pois eram o presente que levavam para casa.

ferias-diferentes-4

Mas o mais esperado este ano foram as competições olímpicas disputadas com toda a garra e alegria, sempre com o forte incentivo da claque renhida. Aprender a saber ganhar e a perder, incentivar a recomeçar ou a aprender a jogar em equipa, valorizar todos os membros, lidar com as próprias falhas e a dos outros, eram objetivos desta competição diária. Um dos momentos muito bonitos foi a abertura da competição com a fotografia oficial da equipa, o hino nacional e os cumprimentos entre equipas. Tudo muito “profissional”!

No final do dia, as participantes tinham um passaporte que era carimbado com um dos cinco aros coloridos do símbolo dos jogos olímpicos. Estes aros foram também o símbolo escolhido para a conquista do capital de graças que eram rubricados por cada propósito conseguido. Num dos dias, em que nos propusemos não refilar ou reclamar, o bom Deus mandou-nos uma temperatura elevadíssima, que passou os quarenta graus e ainda uma refeição que muitas não gostavam, por isso foi uma prova dura para as meninas que corajosamente superavam com alegria e por amor à Mãe de Deus, incentivando umas às outras “Não reclamar”.

No último dia, a festa de encerramento foi para toda a família. As meninas apresentaram as danças e músicas que aprenderam. Estes momentos são de grande orgulho para os pais e de vitória para as crianças.  

ferias-diferentes-6

Foi uma festa muito simples, mas preparada com muito carinho, em que todas subiram ao pódio para receber a medalha de ouro, que foi colocada por uma dirigente e muito aplaudida. Seguiu-se o hino nacional com o içar da bandeira portuguesa. Assim encerramos os Jogos Olímpicos das Férias Diferentes 2012 no Santuário de Schoenstatt

Ir.M.Paula Leite