.

You are here: Notícias > Braga > Advento 2011 no Santuário de Braga

Motivação para o Advento no Santuário de Braga:

"Teu Santuário, Nossa Missão!"

Foto1 CGraas

Alaíde Amorim e Elisabete Coutinho. Foi na tarde de domingo, 27 de novembro, que a Família de Schoenstatt da Diocese de Braga (e mais alguns convidados) se juntou à sombra do Santuário "Cenáculo do Pai para a Família do Pai" para um encontro de motivação para o Advento, a que chamámos «Tarde de Santuário».

Fomos brindados com um belo sol no Jardim de Maria, pelo que, após a oração inicial, saímos do Santuário cantando "Nada sem Ti e sem nós", para queimar o Capital de Graças em frente do Santuário.

Seguindo em procissão para o salão da Casa «Jardim de Maria», fomos recebidos pelo grupo das jovens pré-Aliadas «Pegadas de Maria» que, com as suas dirigentes, nos presentearam com uma encenação sobre as várias dimensões do Santuário – Santuário Original e Santuário Filial, Santuário Peregrino, Santuário-lar e Santuário-coração.

Foto2 procissao
Foto3 aliadas

O P. José Melo desenvolveu o tema centrado na «Rede de Santuários», salientando que tudo parte do Santuário Original e da fecundidade da Aliança de Amor. Ligando ao tempo de Advento, os Santuários Filiais "são luzes que se acendem em todos os continentes", assim como os Santuários-lar, onde se experimenta a cada momento a presença de Nossa Senhora, que nos traz o Seu Filho, propiciando o encontro com o Deus da Vida.

Fazem também parte desta rede os Santuários Paroquiais, dos quais temos um exemplo no Santuário da Igreja Paroquial de S. Pedro de Azurém, em Guimarães.

Foto4 SantParoquial

O Santuário Paroquial de Azurém (com a imagem de Nª Srª. de Fátima no mês de Maio)

Salientou-se ainda como esta rede de santuários se alastra com as imagens da Mãe Peregrina, que partem com as graças dos Santuários Filiais, e visitam milhares de famílias em Portugal. Nesta rede, acontece a transformação interior e surgem, então, os Santuários-coração pois, onde Maria faz nascer Cristo, nasce o homem redimido. "O Teu Santuário é para nós Belém... aí deste à luz o Senhor." (J.K.)

Foto5 RedeCom uma dinâmica de construção (com fios) da rede de Santuários, percebemos que milhões de pessoas se transformam em pequenas luzes por esse mundo fora, permanecendo «em rede» para vencer as trevas na força do Espírito Santo.

Os participantes receberam um pequeno coração onde escreveram os seus compromissos para o Advento, que depositaram num coração grande, para serem depois queimados com o Capital de Graças.

O P. José Melo ainda deu alguns exemplos de como podemos oferecer contribuições neste Advento: rezar a oração da Peregrinação para 2014; ajudar quem precisa e oferecer esse esforço; levar outras pessoas a conhecer o Santuário...

No final, cada um levou consigo uma pequena talha para colocar o capital de graças, para juntar na grande talha do Santuário Filial nas celebrações da Aliança. Assim, transformando «as trevas em luz», tornar-se-á fecundo o lema deste ano "Teu Santuário, Nossa Missão!"

Foto6 Talhas